Urologia: como é a primeira consulta masculina?

Urologia Dr Raphael

Compartilhe o Post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Saber quando procurar e a importância de realizar este encontro com o médico urologista é fundamental para a saúde do homem. 

De antemão, a urologia precisa ser um hábito na vida do homem. Somente o médico é capaz de cuidar e tratar do sistema urinário e do sistema reprodutor do homem. Assim, uma consulta pode evitar o surgimento ou agravamento de doenças. 

Porém, a dúvida é: em que momento deve ocorrer a consulta? Além disso, como é o encontro com o médico? Para responder estas questões, trouxe um texto para ajudar. Acompanhe o post! 

Qual a importância da urologia? 

A urologia causa preconceitos e receios entre os homens. Ou seja, o encontro com o médico ocorre quando há um problema grave na região genital. 

Porém, como já disse em outro post, o urologista tem como missão identificar e combater doenças urológicas e genitais. Nesse sentido, condições como DSTs, incontinência urinária, pedra no rim e tumores são investigados por este profissional. Com isso, a importância do especialista na saúde do homem é enorme, o que faz com que seja fundamental na sua vida. 

Como é a primeira consulta com o urologista? 

No primeiro contato com o médico, procura-se obter informações importantes, como seu histórico de vida, histórico médico e possíveis condições anteriores. Além disso, são debatidas questões sobre a sua vida sexual, incômodos na região genital, problemas de ereção, uso de medicamentos, hábitos higiênicos e alimentares. 

Em seguida, com base nestas informações, o profissional deverá realizar um exame físico minucioso sempre que necessário. Assim, terá mais detalhes sobre sua saúde e possíveis condições que possam surgir durante a consulta. 

Quando deve ocorrer a primeira consulta? 

A princípio, o ideal é que faça o primeiro contato com o urologista na pré-adolescência, fase onde avaliará o desenvolvimento do sistema reprodutor do homem. Assim, é capaz de identificar e atuar em cima de alterações encontradas, agindo de modo mais eficaz no prevenção de doenças. 

É válido lembrar que o acompanhamento médico precisa ser feito durante toda a vida. Nesse sentido, na fase adulta são feitos exames para diagnosticar as principais DSTs, que podem inclusive cursar sem sintomas inicialmente. Além disso, os exames podem encontrar câncer de testículo e pênis de forma precoce. 

Já a partir dos 45 anos o contato com o médico urologista é mais frequente, principalmente por conta do exame de toque, fundamental para indicar o câncer de próstata. Tal procedimento é indispensável, sobretudo se houver casos de câncer de próstata na família. De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, este é o segundo tipo de câncer que mais mata homens no Brasil. 

Busque a urologia! 

Deixe a vergonha e o preconceito de lado e priorize sua saúde! Dessa forma, você cuida do seu bem mais importante: sua vida. Tenha o hábito de se consultar com o médico e realizar todos os processos por ele indicado. Estar em dia com sua saúde é estar em dia com sua vida. Agende sua consulta com seu médico de confiança! 

Conheça o urologista Dr. Raphael Farias de Carvalho 
Formado em Medicina pela Universidade Federal do Ceará, com Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Geral de Fortaleza e em Urologia no Hospital das Clínicas (UFC). Acumula Mestrado em Cirurgia pela Universidade Federal do Ceará e tem o título de especialista em Urologia pela Sociedade Brasileira de Urologia. Atualmente, é médico professor do serviço de Urologia e Transplante Renal do Hospital das Clínicas (Faculdade de Medicina/UFC). Também é professor colaborador da disciplina de Urologia da Faculdade de Medicina (UFC) e cirurgião geral concursado da Secretaria Municipal de Saúde.

Veja outros posts